Mulher mostra sinal com 'X' na mão para denunciar ameaças e companheiro é preso em Criciúma

O atendente de uma lanchonete em Criciúma, acionou a polícia após uma mulher mostrar a mão com um sinal com "X", na noite de sábado (26). A vítima havia sido ameaçada pelo companheiro, que foi preso por suspeita de violência doméstica.


Segundo a Polícia Militar, o funcionário do estabelecimento no bairro Quarta Linha entendeu a mensagem e acionou a polícia, que enviou uma guarnição da "Rede Catarina", que é um programa da Polícia Militar de Santa Catarina direcionado à prevenção da violência contra a mulher. O símbolo é um sinal usado por vítimas de violência como pedido de socorro, de forma que o agressor não perceba.


O homem foi preso no local e levado para a Delegacia de Polícia de Criciúma. Segundo a polícia, ele tinha passagens policiais no Rio Grande do Sul.

Campanha Sinal Vermelho

Criada em junho de 2020 pela Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) e pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), a campanha visa orientar a sociedade que com um “X” na palma da mão, a mulher vítima de violência pode pedir ajuda em qualquer estabelecimento comercial para que o atendente chame a polícia.


Click Notícias

Fonte: G1SC


26 visualizações0 comentário