Polícia estoura cativeiro em Joinville onde caminhoneiros sequestrados foram mantidos por 2 dias

A Polícia Militar afirmou que os três caminhoneiros assaltados em Santa Catarina foram sequestrados e colocados em um galpão abandonado em Joinville, no Norte do estado. Um deles conseguiu fugir e chamou a PM. A Polícia Civil investiga o caso.


O sequestro ocorreu na sexta-feira (1º), de acordo com a PM, e as vítimas foram encontradas no domingo (3). Os caminhões foram roubados em Joinville na própria sexta.


O galpão abandonado tem três diferentes repartições na parte de cima e uma na parte de baixo. Havia muito lixo no ambiente, roupas jogadas pelo chão, sapatos e presilhas plásticas.


O g1 entrou em contato com a Divisão de Investigação Criminal (DIC), da Polícia Civil, e não havia obtido retorno até a última atualização desta reportagem.


Na manhã desta segunda (4), a Polícia Civil afirmou que analisa câmeras de segurança e apura as circunstâncias da contratação dos caminhoneiros.


No momento, a polícia investiga o crime sob a ótica de roubo majorado, que ocorre quando há o emprego de violência, ameaça ou uso de arma.


De acordo com o delegado Neto Gattaz, da DIC de Joinville, a Polícia Civil aguarda o resultado dos laudos médicos para verificar se as vítimas foram dopadas pelos suspeitos.

Crime

De acordo com a Polícia Militar, as vítimas foram sequestradas, sedadas e mantidas amarradas dentro de um galpão no bairro Boehmerwald, zona Sul da cidade.

À polícia, as vítimas disseram que haviam sido contratadas para fazer um frete de fertilizantes até o interior Paraná.


No entanto, no momento da negociação, os caminhoneiros foram abordados pelos supostos proprietários da carga que, armados com revólveres, anunciaram assalto.


Resgate

A polícia foi chamada por volta de 14h30 de domingo após uma pessoa ser encontrada caída na rua no bairro Nova Brasília, distante cerca de 7 quilômetros do Boehmerwald. A vítima era um homem de 42 anos que disse ter sido vítima de sequestro.


No local indicado pela vítima, a polícia encontrou outros dois homens, de 41 e 34 anos, em lugares diferentes dentro do galpão abandonado. Eles aparentavam estar sedados, mas conseguiram dizer à PM que foram vítimas de roubo.


Click Notícias

Fonte: G1SC


23 visualizações0 comentário